Quase três anos depois, arrecadação total de SC no 1º trimestre supera a inflação

Entre os tributos estaduais, o que apresentou maior crescimento nos três primeiros meses foi o ITCMD (8%), que incide sobre doações e heranças.

Por LAGES DIÁRIO,
em Lages/SC

A
Secretaria da Fazenda divulgou nesta sexta-feira (14), os dados sobre a arrecadação de Santa Catarina para este primeiro trimestre. Os dados mostraram um acumulado de janeiro a março, de um crescimento de 4,70%, se comparado com o mesmo período do ano passado. Este crescimento foi, pela primeira vez desde julho de 2015, acima da inflação (IPCA) que no trimestre ficou em 4,57%.


Segundo a Fazenda Estadual, o imposto que teve maior crescimento acumulado nos três primeiros meses de 2017 foi o que incide sobre doações e heranças, o ITCMD, com 8%. O IPVA cresceu 6,6% e o ICMS teve aumento de 4,51%,


Apesar do crescimento, isso ainda não é motivo para comemorar, aponta o secretário da Fazenda, Antônio Gavazzoni. O mês de março apresentou crescimento de 6,78%, se comparado com o mesmo mês em 2016, mas ainda não o suficiente para suprir as perdas dos quase três anos em que o Brasil vive em crise economicamente. “É o melhor desempenho mensal do ano, mas não ainda o suficiente para comemorar, já que estamos no início do exercício e acumulamos perdas de quase três anos de crise”, avalia Gavazzoni.