Jogadores do Inter de Lages são dispensados após festa e briga em hotel

Goleiro Neto Volpi se envolveu em briga com funcionário do clube no hotel onde equipe se concentrava para decisão contra Avaí no domingo (23).

DO LD ESPORTES
em Lages/SC

📷 Jogadores dispensados do Inter de Lages nesta quinta-feira (20). (Foto: Inter de Lages / Divulgação)


O
goleiro Neto Volpi, os laterais esquerdo James e Jefinho, e o meia Marquinhos não fazem mais parte do elenco do Inter de Lages. Eles foram dispensados nesta quinta-feira (20). Os motivos teriam sido discussões que iniciaram na última terça-feira (18) contra torcedores, durante o treino e também uma briga no hotel onde a equipe estava concentrada na madrugada desta quinta, envolvendo o goleiro e o presidente do clube e funcionários. Fotos de jogadores em festas também motivaram a dispensa por parte da diretoria.O jogador Jefinho já havia sido dispensado na segunda-feira (17).


Segundo a Polícia Militar, a guarnição foi acionada por volta das 00h35 na rua Romualdo Antonio do Pilar, no bairro Frei Rogério, onde fica o hotel que servia de concentração da equipe do Inter de Lages. No local, constatou-se uma ocorrência de ameaças e vias de fato, envolvendo o presidente do clube, Christopher Nunes, de 32 anos, o goleiro Neto Volpi, de 24 anos, o qual apresentava lesões leves e um funcionário Fernando Nazário, de 37 anos, que também apresentava lesões leves.

De acordo com o presidente do clube, o goleiro teria chegado no hotel agressivo e tentou lhe agredir, sendo contido por funcionários. O goleiro alegou que foi agredido pelo presidente com um taco de sinuca e também relata ter sido agredido por funcionários. Ambos os lesionados foram atendidos pelo SAMU, sendo que Fernando Nazário foi levado ao HNSP com várias escoriações.

Diante dos fatos, a Polícia Militar confeccionou boletim de ocorrência na modalidade de termo circunstanciado e compromissado as partes a comparecer no Jecrim de Lages. 

Confira abaixo na íntegra a nota oficial do clube

“Os jogadores Neto Volpi, Jefinho, James e Marquinhos foram desligados do elenco do Inter de Lages. Em plena semana de jogo decisivo para o clube, os quatro estavam em um bar – e ingerindo bebida alcoólica, segundo inúmeros relatos feitos à direção do clube por frequentadores que estavam no local -, contrariando totalmente o bom-senso e profissionalismo que atletas devem ter nesse momento tão importante para a equipe, para a torcida e a para cidade.

Os quatro foram desligados do hotel em que mora boa parte do elenco. Bastante alterado, Neto Volpi chegou ao local com palavras de ameaça ao presidente do clube, Cristopher Nunes, que aguardava os atletas para comunicar a saída deles do hotel pela falta de comprometimento e profissionalismo. Entre palavras de baixo calão, o atleta tentou agredir o presidente e foi contido por funcionários do clube.


O Inter lamenta profundamente o episódio, ainda mais neste momento que deveriam todos estar juntos pela instituição, mas reitera que a instituição está acima de qualquer pessoa. O elenco inicia a concentração a partir desta quinta-feira. Domingo tem decisão, e os comprometidos com certeza estarão em campo, juntos, em busca da vitória.”

PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Economia e Política

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?