Definidas as 16 músicas participantes da 25ª Sapecada da Canção Nativa

Jurados adentraram madrugada deste sábado (15) para definir as canções que participarão do festival no dia 12 junho, e destas, doze se classificarão para a grande final no dia 13 de junho.

Por LAGES DIÁRIO,
em Lages/SC

📷 Fabricio Furtado / Fundação Cultural de Lages

T
erminou na madrugada deste sábado (15) a triagem das Sapecadas da Canção Nativa e a da Serra Catarinense, ao longo de pouco mais de um dia e meio, sete jurados avaliaram as 488 composições inscritas nos dois festivais e definiram as 32 composições que irão participar, sendo 16 para cada festival que ocorrem nos dias 11, 12 e 13 de junho dentro da programação da 29ª Festa Nacional do Pinhão.



As 16 composições da 17ª Sapecada da Serra Catarinense foram definidas ainda na noite de sexta-feira (14) e a escolha das 16 músicas participantes da 25ª Sapecada da Canção Nativa que seria iniciada na manhã deste sábado (15) foi antecipada para a noite de sexta, logo após a definição das músicas da Sapecada da Serra Catarinense, e adentrou e encerrada na madrugada deste sábado.

O debate entre os jurados foi mais acirrado para definir as obras que estarão no festival, um dos maiores de música regional do país e que chega em 2017 aos seus 25 anos. A Sapecada da Canção Nativa, assim como a da Serra Catarinense, também contará com quatro músicas na suplência para casos de desistência, plágio ou uma das 16 participantes não sejam inéditas.

A 25ª Sapecada da Canção Nativa ocorrerá nas noites dos dias 12 e 13 de junho no Parque Conta Dinheiro, na zona Norte de Lages, dentro da programação da Festa Nacional do Pinhão. Na primeira noite, haverá eliminatória, sendo que quatro composições serão eliminadas para darem lugar as quatro (1º, 2º, 3º lugares e música mais popular) da Sapecada da Serra Catarinense que será realizada no domingo, dia 11 de junho.

Confira as classificadas para a 25ª Sapecada da Canção Nativa

“Caminito de Leñero”
Ritmo: Chimarrita
Autor da Letra: Evair Suarez Gomez
Autor da Música: Leonel da Silva Gomez

“Cantilena”
Ritmo: Milonga
Autor da Letra: Rafael de Oliveira Ferreira
Autor da Música: Kiko Goulart

“Enfrenada”
Ritmo: Milonga
Autor da Letra: Mateus Neves da Fontoura
Autor da Música: Ricardo Martins

“Entre as Pedras do meu Canto”
Ritmo: Milonga
Autor da Letra: Mateus Neves da Fontoura
Autor da Música: Vitor Amorim

“Lá d’onde eu venho”
Ritmo: Chamamé
Autor da Letra: Rogério Villagran
Autor da Música: André Teixeira

“Maliciosa”
Ritmo: Rasguido
Autor da Letra e Música: Rogério Villagran

“Meu Redomão Colorado”
Ritmo: Milongão
Autor da Letra: Rodrigo Bauer
Autor da Música: Jari Terres

“Na Encruzilhada”
Ritmo: Xote
Autor da Letra e Música: Volmir Coelho dos Santos

“Nos Campos do Amaricá”
Ritmo: Chamamé
Autores da Letra: Gujo Teixeira e Valério Teixeira
Autor da Música: Cristian Camargo

“O Silêncio e a Campereada”
Ritmo: Milonga
Autor da Letra: Sergio Carvalho Pereira e André Teixeira
Autor da Música: Ricardo Comasseto

“Peleação”
Ritmo: Vaneira
Autor da Letra: Rafael de Oliveira Ferreira
Autor da Música: Maicon de Oliveira

“Potrilho, Potro e Pingaço”
Ritmo: Chamarrita
Autor da Letra: Evair Suarez Gomez
Autor da Música: Juliano Gomes

“Prosa de Galpão”
Ritmo: Milonga
Autor da Letra e Música: Érlon Péricles

“Rancho de Barro”
Ritmo: Canção
Autor da Letra: Xiru Antunes
Autor da Música: Kiko Goulart

“Saudade e Fundo de Campo”
Ritmo: Toada
Autor da Letra: Gujo Teixeira
Autor da Música: Cristian Camargo

“Veneno”
Ritmo: Zamba
Autor da Letra: Lisandro Amaral

Autor da Música: Roberto Luzardo

PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Economia e Política

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?