De seis para quatro voos semanais da Azul em Lages

Empresa anunciou novo cronograma, visando operação inverno e Lages passará a contar com voos nas segunda, quarta, sexta e domingo.

Por LAGES DIÁRIO,
em Lages/SC

📷 Arquivo / ASCOM PML

A
Azul Linhas Aéreas está prestes a alterar novamente o seu cronograma de voos semanais em Lages, na Serra Catarinense. Após a diminuição nos voos durante a temporada de verão, agora a empresa adotará um novo regime de operação para o inverno, passando de seis voos para quatro voos semanais, que será adotado a partir do dia 8 de maio e seguirá até o dia 3 de setembro.


A adoção do novo cronograma entra em seu quarto ano consecutivo, o primeiro, com atuação em Lages, na Serra Catarinense. A operação especial será adotada especialmente na região Sul do Brasil, nos aeroportos onde sofrem com as condições adversas do clima como nevoeiros, que costumam prejudicar a regularidade e pontualidade dos voos.

Segundo a Azul, a empresa continuará tendo bases em todas as cidades que já tem e estes ajustes será de forma temporária de maio a setembro, e o principal objetivo é evitar atrasos e cancelamentos que gerem contratempos aos clientes. Em Lages, os dias que contará com voos será na segundas, quartas, sextas e domingos, com chegada às 15h05 e saída às 15h30 com origem e destino no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, no interior de São Paulo.

Além de Lages, a Azul também decidiu alterar diminuindo o número de voos partindo de Viracopos com destino a Porto Alegre, Curitiba, Ponta Grossa, Divinópolis, Cascavel, Maringá e ainda Londrina, Chapecó e Foz do Iguaçu, estas três sofrerão apenas ajustes de horário, mas sem diminuição no número de voos.


Os clientes que já compraram passagens para voos no inverno nas bases que serão impactadas pela malha de inverno da Azul Linhas Aéreas, já estão sendo orientados pela empresa sobre a alteração de horário ou cancelamentos de voos (neste caso, recebem alternativas como reacomodação gratuita ou reembolso integral). Após o dia 3 de setembro, os voos voltam normalmente.