Carnaval 2017

Falando sobre Zés do Brasil, Mancha Verde abriu a 2ª noite do Grupo Especial de SP
Escola campeã do Grupo de Acesso do ano passado fez homenagem aos Josés. .

Por LAGES DIÁRIO,
em Lages/SC

📷 Alessandro Gill Reis / UOL
  
C
ampeã do Grupo de Acesso de 2016 do carnaval paulistano, a Mancha Verde abriu a segunda noite do Grupo Especial deste ano em grande estilo no sambódromo do Anhembi com um enredo que homenageou os Josés espalhados pelo país, famosos e os anônimos.


Com enredo “Zé do Brasil. Um nome e muitas histórias!”, a escola ligada à torcida do Palmeiras, retornou a elite do carnaval paulistano em busca do título, para isso investiu pesado nas alegorias e fantasias. A escola veio para o sambódromo com 3,2 mil componentes divididos em 19 alas e cinco alegorias.

“... hoje, a Mancha Verde vai contar através do canto forte de uma comunidade que me encantou, seduziu, e no puro balanço de uma bateria que faz meu coração bater a mil, afinal, sou a cara de um povo movido pela emoção, muito prazer, eu sou o Zé do Brasil!”, diz uma parte da sinopse do enredo da escola.

O desfile da Mancha Verde durou 63 minutos (01h03) e empolgou o público, principalmente os que estavam no setor B (o maior do sambódromo) onde estava a maioria dos torcedores da escola e do Palmeiras.

📷 Alessandro Gill Reis / UOL


A próxima escola a entrar no sambódromo é a Unidos do Peruche que homenageará o axé, a cidade de Salvador e o Estado da Bahia.

PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?

Organizador do Bike Serra morre em acidente em Lages