Carnaval 2017

Acadêmicos do Tatuapé fala sobre a África para buscar título inédito
Vice-campeã do carnaval de 2016, escola teve como enredo “Mãe-África conta a sua história: Do berço sagrado da humanidade à Terra Abençoada do Grande Zimbabwe”.

Por LAGES DIÁRIO,
em São Paulo/SP

Diva da Bateria da Acadêmicos do Tatuapé, Sabrina Boing Boing. 📷 Iwi Onodera/UOL 

V
ice-campeã do carnaval passado, a Acadêmicos do Tatuapé investiu pesado em fantasias e alegorias para ir em busca do título inédito e para isso trouxe em seu enredo o tema África e suas culturas. “Mãe-África conta a sua história: Do Berço Sagrado da Humanidade à Terra Abençoada do Grande Zimbabwe!” e a intenção da escola é mostrar o lado festivo do povo africano.


Com 3.200 componentes divididos em 21 alas e cinco alegorias, o Acadêmicos do Tatuapé entrou no sambódromo do Anhembi por volta das 02h30. O samba-enredo foi cantado do início ao fim pelo público que durante a paradinha da bateria cantou à capela o samba que encantou a todos no sambódromo. 

Também foi destaque no desfile, a presença da sambista Leci Brandão que saiu à frente da comissão de frente como madrinha da escola. 

A escola encerrou o desfile com 61 minutos (01h01) e deram conta do recado para ir em busca do título inédito.


A próxima escola a entrar no sambódromo é a Gaviões da Fiel que traz em seu enredo uma homenagem aos migrantes que vieram em busca de seus sonhos em São Paulo. 

PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?

Organizador do Bike Serra morre em acidente em Lages