Sou + Lages

 Programação de aniversário 
Sessão histórica marca os 250 anos de Lages
Sessão conjunta do Instituto Histórico Geográfico – regional de Lages (IHG) e Instituto Histórico Geográfico de Santa Catarina aconteceu no Centro Cultural Vidal Ramos.

Da Assessoria do Município de Lages
(imprensa@prefeituralages.com.br)

Foi realizada uma exposição de fatos históricos que marcaram o povo lageano ao longo dos seus 250 anos de vida social e política. (Fotos: Sandro Scheuermann / Prefeitura de Lages)
Como parte integrante das comemorações dos 250 Anos de Lages, ocorreu na noite desta quarta-feira (16), no Centro Cultural Vidal Ramos (Colégio Rosa), sessão conjunta do Instituto Histórico Geográfico - Regional de Lages (IHG) e do Instituto Histórico Geográfico de Santa Catarina.


Na ocasião, membros do IHG-Lages, entre eles Benjamim Kuse, Cida Hack, Cândido Bampi e Paulo Ramos Derengoski discorreram sobre a história de Lages e a memória coletiva de gerações passadas no contexto social e político da cidade e da Serra Catarinense.

Também falaram os presidentes do IHG-Lages, Cláudio Silveira, e do IHG-SC, César Augusto Zeferino, o prefeito Toni Duarte, e o jornalista Moacir Pereira, no ato representando a Associação Catarinense de Imprensa.

Nesta sessão, Cláudio Silveira foi elevado de membro efetivo a membro emérito do IHG-SC, recebendo no ato diploma e colar de distinção de membros desta renomada instituição.

Na condição de anfitrião do evento, Cláudio Silveira fez uma exposição de fatos históricos que marcaram o povo lageano ao longo dos seus 250 anos de vida social e política, valendo-se da apresentação, em data-show, de documentos que fazem parte da história desde antes da data oficial de fundação da “Vila das Lagens” em 22 de novembro de 1766.

Cópias impressas e emolduradas desses documentos foram dadas ao prefeito Toni Duarte e ao presidente do IHG-SC. Também houve a exibição do poema “Cabocla Lageana”, de autoria de Cláudio Silveira (gravado em DVD), trabalho este muito aplaudido pelos presentes que lotaram a sala de cinema do Centro Cultural. “Essa iniciativa conjunta do Instituto Histórico Geográfico engrandece as comemorações dos 250 Anos de Lages. Tivemos hoje aqui um intensivo de História, com as falas de ilustres convidados e o mais interessante é ver que muito embora tenham se passado 250 anos de desenvolvimento político e socioeconômico, marcados por importantes e grandes transformações, Lages não perdeu seus traços históricos, representados pelos usos e costumes, tradição, e os corredores das tropas que emolduram os campos da Coxilha Rica”, destaca o prefeito. Em nome do povo lageano, Toni fez um agradecimento especial a todos os participantes da sessão promovida pelo IHG-Lages e de Santa Catarina. “Lages já avançou muito em termos de desenvolvimento, mas ainda há muito a se realizar, e para isso conclamo a todos a se darem as mãos nesta histórica caminhada”, concluiu Toni.

Colégio Rosa formou cidadãos ilustres

O jornalista Moacir Pereira lembrou que o popular Colégio Rosa (antigo Grupo Escolar Vidal Ramos), hoje Centro Cultural, foi um obra do então governador Vidal Ramos, lageano que no século XX foi o grande reformador e quem impulsionou o ensino escolar em Santa Catarina. “Estudei no Colégio Catarinense, em Florianópolis, instituição administrado pelos padres jesuítas. Este colégio, por onde passaram ilustres políticos e cidadãos catarinenses, foi fundado graças à intervenção de Vidal Ramos”, falou Moacir.

José Vidal de Oliveira Ramos (Lages, 24 de outubro de 1866 — Rio de Janeiro, 2 de janeiro de 1954), prefeito de Lages e governador do Estado, e que também exerceu mandatos de deputado e senador da República, foi aluno do histórico Colégio Conceição, atual Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), em São Leopoldo-RS, ainda hoje sob administração dos jesuítas.


O prefeito Toni Duarte fez parte da mesa de convidados especiais da histórica sessão cultural, na qual também esteve presente o presidente do IHG-Lages, historiador Cláudio Silveira; presidente do IHGSC, geógrafo César Augusto Zeferino; secretário da Agência de Desenvolvimento Regional, João Alberto Duarte; corregedor do Ministério Público de Santa Catarina, Gilberto Callado de Oliveira; secretária da Academia Catarinense de Letras, Lélia Pereira da Silva Nunes; procurador da República, Nazareno Jorgealem Wolff, e os escritores e jornalistas Moacir Pereira e Paulo Ramos Derengoski. 

Acompanhe Lages Diário nas redes sociais. Curta no Facebooksiga no TwitterInstagramPinterest e Google+ e Adicione-nos no WhatsApp (49) 9923-9178.

PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?

Organizador do Bike Serra morre em acidente em Lages