Mundo

 Bilionário polêmico 
Donald Trump contraria pesquisas e é eleito presidente dos EUA
Republicano derrotou a candidata democrata Hillary Clinton

Do LD, nos EUA
(jornalismo.lagesdiario@hotmail.com)

Foto: Getty Images / Divulgação
Os americanos foram às urnas nesta terça-feira (8) para eleger senadores, deputados, governadores e a mais disputada eleição presidencial dos últimos anos, polarizada entre o republicano bilionário Donald Trump
e a democrata Hillary Clinton, e quem foi o eleito foi o magnata do ramo imobiliário, Trump que faltando cinco estados para ter todos os votos contabilizados já havia conquistado mais de 270 delegados necessários para ser eleito. 


Ao longo de mais de um ano de campanha, foram várias as frases polêmicas envolvendo o candidato do Partido Republicano, principalmente contra os imigrantes e muçulmanos, além das propostas visando o protecionismo e que foi slogan da campanha visando tornar a América grande novamente, entre elas a construção de um muro entre a fronteira dos Estados Unidos com o México.

Faltando cinco estados, Donald Trump não pode ser mais alcançado em número de delegados e é o novo presidente dos Estados Unidos. (Foto: Reprodução / AP)
Donald Trump será empossado no dia 20 de janeiro de 2017. Nos próximos dias ele deve se encontrar com o presidente Barack Obama na Casa Branca.

Campanha

Donald Trump superou as convenções partidárias e foi o escolhido pelo partido na corrida presidencial para suceder o presidente Barack Obama, mas mesmo sendo o candidato, sofreu com a rejeição da população e principalmente de integrantes do próprio partido que declararam abertamente que não votariam nele.

Mesmo assim, Trump continuou dando declarações controvérsias ao longo da disputa e chegou a defender o veto total da entrada de muçulmanos nos Estados Unidos.


Nascido no Queens, em Nova York, o magnata do ramo imobiliário se tornou um grande nome no cenário dos negócios nas décadas de 1970 e 1980 com grandes investimentos, construções de prédios e hotéis de luxo. No início da década de 90 sofreu com a crise no ramo de imóveis, tendo dois prédios seus pedindo falência, o Taj Mahal, em Atlantic City e o Trump Plaza, mas se recuperou ao comprar a franquia do “Miss Universo” e investir em cassinos.

Acompanhe Lages Diário nas redes sociais. Curta no Facebooksiga no TwitterInstagramPinterest e Google+ e Adicione-nos no WhatsApp (49) 9923-9178.

PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Organizador do Bike Serra morre em acidente em Lages

Um morre e outro fica ferido em acidente entre carro e ônibus em Lages

Bombeiros auxiliam jovem que deu a luz em casa no bairro Guarujá