Rio 2016

 AFUNDOU ADVERSÁRIA 

Por Rio 2016, no Rio

(esporte.ld@hotmail.com)

Poliana Okimoto no pódio das maratonas aquáticos dos Jogos Rio 2016 (Foto: Rio 2016/Saulo Pereira Guimarães)

Após uma disputa braçada a braçada até o fim, a brasileira Poliana Okimoto levou o bronze para o Brasil na prova feminina das maratonas aquáticas dos Jogos Rio 2016. A atleta terminou a prova na quarta colocação, mas a francesa Aurelie Muller, que tinha batido em segundo, foi desclassificada por manobra ilegal.

A atleta francesa inibiu a chegada da italiana Rachele Bruni, com quem disputava a segunda colocação. Assim, o pódio passou a ser formado por Sharon Van Rouwendall, dos Países Baixos, que levou o ouro, além da italiana e da brasileira.

Poliana nadou os 10km nas águas de Copacabana em 1h56min51seg e espantou o fantasma de Londres 2012, quando abandonou a prova com hipotermia.

"Depois de Londres, não imaginava que estaria nadando ainda melhor hoje. Mais uma vez, me chamaram de velha, mais uma vez me desacreditaram, mais uma vez eu dei a volta por cima", afirmou Poliana na saída da prova.

A maratonista esteve entre as líderes durante toda a prova, mas não conseguiu acompanhar o ritmo atleta dos Países Baixos, que se desgarrou do grupo na metade da prova e terminou sozinha à frente do segundo pelotão.Com a mudança, Ana Marcela Cunha, a outra brasileira da prova, terminou a maratona na décima colocação, com o tempo de 1h57min29seg.


Acompanhe Lages Diário nas redes sociais. Curta no Facebooksiga no TwitterInstagramPinterest e Google+ e Adicione-nos no WhatsApp (49) 9923-9178.

PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?

Organizador do Bike Serra morre em acidente em Lages